Arquitetura da eficiência

Profissionais dão dicas de como deixar o ambiente de trabalho favorável à concentração e produtividade

 

Voltar das férias nunca é fácil, ainda mais quando o clima ainda é de verão. Porém, alguns ambientes corporativos reúnem condições propícias para incentivar os colaboradores a produzirem mais e com qualidade! São pequenos detalhes que fazem toda a diferença. Entrevistamos as arquitetas Ana Vilas Boas e Daniela Cerbatto, e a designer de interiores Josy Melo para demonstrar como a arquitetura de interiores pode influenciar no processo de concentração e produtividade, confira:

 

  1. Layout

Projeto: Bopp Arquitetura. Foto: Marcelo Stammer

As três profissionais enfatizaram que a distribuição correta de todos os elementos em um espaço corporativo é fundamental para criar um espaço agradável e funcional, pensando desde o mobiliário até o projeto luminotécnico. “Todos os elementos dispostos em um ambiente de trabalho exercem influência no comportamento das pessoas que ali executam suas tarefas. O espaço pode atrapalhar ou, se planejado da maneira correta, incentivar o desempenho dos colaboradores de uma empresa”, afirma a designer de interiores Josy Melo.

 

  1. Mobiliário

Projeto: EB Arquitetura com mobiliário da Tecnoflex. Foto: Ana Gabriella Amorim

Ergonomia é a chave na hora de escolher os móveis de um ambiente empresarial. Considerando o tempo que os colaboradores costumam passar em uma empresa – geralmente oito horas por dia – a cadeira, as estações de trabalho e os próprios computadores devem remeter ao conforto, favorecendo a concentração e resultando em produtividade. “Com o mobiliário adequado, as pessoas trabalham com menos tensão e tendem a apresentar menos problemas posturais e fadiga”, explica a arquiteta Daniela Cerbatto.

 

  1. Cores

Projeto: Adriana Noya. Foto: Roger Dipold

De acordo com a designer de interiores Josy Melo, a cor é um dos itens mais importantes a se considerar e está diretamente relacionada ao humor, produtividade e eficiência no dia a dia. “Mesmo sem perceber, as cores que estão a nossa volta têm uma influência direta sobre o nosso comportamento, nossas reações e até mesmo em nossa forma de pensar”, explica Josy. Diversas opções estão disponíveis no mercado, mas a escolha deve estar diretamente ligada às funções exercidas pela empresa.

 

  1. Iluminação

Projeto: Juliana Fleury de Freitas e Eloir Alberti Jr com móvies planejados da Evviva Bertolini. Foto: Marcelo Stammer

A iluminação é outro elemento que merece destaque. “O ideal é aproveitar ao máximo a luz natural, com o auxílio de persianas ou cortinas, para controlar a incidência, pois ambientes muito claros prejudicam a visibilidade”, detalha a arquiteta Ana Vilas Boas. De acordo com a profissional, um bom projeto luminotécnico deve considerar, além da luz natural, o tamanho dos ambientes e o uso de cada espaço. “Além da lâmpada de LED, vale a pena considerar outras opções de iluminação e controle de luz como luminárias e dimmers”, acrescenta Ana.

 

  1. Área de descanso

Área de descando do Nex Coworking. Foto: Eduardo Macarios

Focar no conforto e na recreação de funcionários, tornando o ambiente de trabalho menos formal e mais interessante ao usuário é uma proposta que vem sendo utilizada por empresas de diversos setores. De acordo com a arquiteta Daniela Cerbatto, inserir elementos recreativos proporciona descontração e resulta em um ambiente mais agradável, melhorando o desempenho dos funcionários. “O planejamento de uma sala de descanso, com pufes, televisão, música e poltronas confortáveis pode custar pouco e pode trazer benefícios enormes para a equipe”, diz Daniela.

Para auxiliar você a colocar em prática essas e outras dicas em ambientes corporativos, o Helper App é a opção ideal. Um aplicativo destinado àqueles que procuram uma consultoria técnica eficaz (CTE) para reformar, comprar ou alugar, visando oferecer as soluções mais adequadas e práticas.

O app está disponível para download gratuito pelos sistemas IOS (https://goo.gl/5Iv14n) e Android (https://goo.gl/oFdfRq). Em caso de dúvidas, assista as instruções aqui: https://youtu.be/poit9tgNlnE.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *